quarta-feira, 31 de março de 2010

Qual a cor do beijo?

Um beijo não é só um beijo.
O beijo é uma arte.
É quente..
Leve..
Doce e lento.
Lábios que transmitem sentimentos.
Vontade..Saudade.
Poder de combinar os sentidos.
Todos misturados num só momento.
Fome de paladar,suor do tato e a embriagues do olfato.
A mordida suave que não dói.
Segredo descoberto entre silêncios.
Carícia molhada e íntima.
Sopro de vento..
que de tão profundo..penetra a alma..estremece o corpo.
Que de tão natural fez-me pensar:
Sereno e penetrante..
Me fez faltar o ar.

sábado, 27 de março de 2010

Quando olho pra mim

Quando olho para mim não me percebo.

Tenho tanto a mania de sentir
Que me extravio às vezes ao sair
Das próprias sensações que eu recebo.

O ar que respiro, este licor que bebo,
Pertencem ao meu modo de existir,
E eu nunca sei como hei de concluir
As sensações que a meu pesar concebo.

Nem nunca, propriamente reparei,
Se na verdade sinto o que sinto. Eu
Serei tal qual pareço em mim? Serei

Tal qual me julgo verdadeiramente?
Mesmo ante as sensações sou um pouco ateu,
Nem sei bem se sou eu quem em mim sente.

(Fernando Pessoa)

domingo, 21 de março de 2010

Quando te olho sinto coisas que não sei explicar.
Paro para pensar e busco um porque.
Não, prefiro não saber..sonho apenas com você.
Lembranças que jamais se apagarão
Sonhos que nunca forão em vão.
Minha alma aquieta,e isso basta.
Nada além de contemplar,num simples gesto...
Uma bela forma de se amar.
Sentir sem conseguir provar.
Sem entregar,sem permitir
Guardei sem ter porque
ou por razão
ou coisa outra qualquer.
Do piscar dos cilhos,do silêncio no luar.
Do sorriso que ilumina a qualquer mulher.
Meu coração Sorriu!
Te reconheceu..e de saudade bateu.
Guardarei pra sempre o calor de seu abraço.
Levarei comigo por toda minha vida.
Esse grande amor que não deixou ferida.